quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Sonata do Sal Em Sol Maior

A minha posição sobre a praia já a dei a saber em tempos, mas repito-o com nova ilustração e argumento - embora compreenda o prazer que nadar dá é-me estranho o de torrar na areia e considero como de segunda uma água que trai a sua função, a que obriga, de seguida, a tomar banho noutra.
.

Lendo num artigo de Lourenço Rodrigues que na Centúria de Oitocentos os chamados banhos de mar eram, na sua maioria, tomados por indicação médica, reforço as razões para, também neste campo, me abster: em matéria de remédios convém não criar habituação...

16 comentários:

T disse...

Faz-me falta o mar. Podia vir sem areia e sem tanto sol. E menos gente. Gosto muito de estar a ler numa esplanada à sombra e ver o mar. E de banhos, pois gosto.

Cristina Ribeiro disse...

Nas minhas primeiras idas à praia,na Póvoa de Varzim,lembro-me de ouvir que as empregadas iam tomar banho vestidas,como na fotografia,às 6H da manhã,para que ninguém as visse.
Quando era pequena,passava lá todo o mês de Setembro;agora o sol cansa-me.
Beijo

O Réprobo disse...

Bem, T,
eu, como o tenho a 100m de casa e reduzo o meu contacto com ele a umas agrdáveis passeatas pelo paredão, considero-me servido...
Beijinho

O Réprobo disse...

Mas olhe, Cristina, que a foto era de roupa de banho consistindo no último grito da moda, numa altura em que só as classes abastadas iam à praia. Mais pratrazmente do momento que a Cristina indica, portanto.
E feitios... atrevidíssimos...
Beijinho

Cristina Ribeiro disse...

Mas que requinte!
Pelo que me lembro de ouvir,só iam as mais velhas,e de bata,por decoro,não fosse aparecer um marinheiro.As mais novas já teriam outros usos,talvez...

O Réprobo disse...

Ehehehehehe! Já deviam estar com o CORAÇÃO no fio dental....
Beijo

T disse...

Cristina andaste pela minha terra? Beijinho.

Cristina Ribeiro disse...

A T é da Póvoa de Varzim?Era onde passava todo o mês de Setembro,até à adolescência.Os meus pais têm casa em Aver-o-Mar,muito bem localizada,mas só vou lá a partir do mês de Outubro.Lá o ´mar é muito lindo!
Beijinho

T disse...

Sim sou. Saí de lá aos 8 anos. Mas ainda me lembro do cheiro a mar bravio da Póvoa. Beijinho para si.

O Réprobo disse...

Ainda no outro dia, T, reli no António Cabral as minudências da disputa entre a Póvoa e Vila do Conde, como naturalidade de Eça.
Beijinhos às Duas

T disse...

Sim também li. Mas nasceu na Póvoa. Grrrrrrrrrrr!

O Réprobo disse...

Essa postura de Fera é para os vilacondenses, espero, pobre réprobo apavorado. E parece que já não há dúvida, a qual teria surgido com o baptismo.
Beijinho

T disse...

Claro. Roubadores de conterrâneos:)
Eu tenho mau feitio, eu sei, bj

O Réprobo disse...

Era assim, opelo menos desde Homero, disputado por nem sei já quantas cidades gregas...
Beijinho

T disse...

Sim, sim...mas o Eça é poveiro!
Beijinho:)

O Réprobo disse...

Ele próprio se definia, na famosa carta irónica a Pinheiro Chagas, como "um pobre homem da Póvoa de varzim".
Bj.