sábado, 14 de junho de 2008

Pletora de Baba

A Minucha teve a bondade de distinguir este pobre bloguista com imerecido título, de que se publica retrato e se afixa na bateria de condecorações idiaminiana. É pura estima, não crítica imparcial, mas todos temos por muito agradáveis as parcialidades da Vida, quando provenientes de Pessoas Que prezamos.
Liberto da obrigação de, por minha vez, premiar, não aproveitarei o ensejo para evidenciar os Blogues com que mais me enturmo. Esses são facilmente identificáveis por Quem me siga com alguma habitualidade. Mas quero usar a furia condecorandis sazonal para lembrar quatro páginas que me levaram a iniciar-me na Blogosfera.

Pena e Espada - Um Amigo de longos anos, o Duarte Branquinho foi Quem me chamou a atenção para este veículo de abertura ao Outro e intervenção, de modestas dimensões, pese embora, no Mundo.

Nova Frente Desde logo fiquei seduzido pela Qualidade extraordinária da prosa e do Espírito do BOS, como por um universo partilhado de referências literárias, não esquecendo os inestimáveis contributos do Rafael Castela Santos.

O Sexo dos Anjos A atenção ao que nos cerca com uma sistematicidade coerente com um Pensamento sólido, de Mestre Manuel Azinhal, foi o método de que resolvi partir para uma produção a que conferisse o meu próprio cunho.

Último Reduto O Pedro Guedes foi, quer pela finíssima ironia, quer pela erudição em que a alicerça, um dos maiores factores de derrota da preguiça. Tê-Lo recrutado para o meu círculo de Amizades bastaria para justificar estas aventuras.

Numa altura em que lia sobretudo blogues estrangeiros, estes Quatro Mosqueteiros levaram-me à conclusão de que também era possível, por cá, criar sem cedências à padronização. Se por vezes divirjo dos diagnósticos e das soluções para cada caso, nunca me apartei Deles na preocupação enformadora essencial. Por isso, para além das diferenças, são os meus MasterBlogs.
Obrigado.


22 comentários:

Júlia Moura Lopes disse...

A Minucha é generosa,mas também sabe distinguir a qualidade das amizades...

Um blog vale não só pelo conteúdo, mas pela mão que o humaniza.

beijo e bem querer
meus

minucha disse...

E que bem que ele aqui fica!

O Seu, Paulo, foi o blog por onde entrei na blogosfera; é um dos dois que sempre tive linkados.

Um excepcional blogger.

Beijinho, amigo, sempre.

Manuel disse...

Se o meu trabalho teve esse mérito, já me dou por feliz.
Sinceramente, se alguma aspiração íntima eu tive foi sempre a de servir de "despertador"... Quero dizer, despoletar vocações, em outros que viessem para fazer mais e melhor do que eu.
Confesso que passado todo este tempo sinto alguma frustração no balanço. Queria ver muito mais, e muitos mais...
Talvez não os haja...
É um consolo acompanhar os poucos que ainda assim vão conpensando o esforço, e é-me muito grato receber essas palavras de reconhecimento (e Deus sabe que não procuro condecorações).
Já agora, consigno aqui que vejo com preocupação o apagamento do BOS e do PG, que espero ardentemente ser resultado apenas dos afazeres profissionais e familiares.
Mas eram obviamente melhores os tempos em que comunicavam connosco todos os dias.

fugidia disse...

Muitos parabéns Rép., merecidos :-)))

Beijinho (e espero que o dia tenha corrido bem) :-)

O Réprobo disse...

Obrigado, Querida Júlia. A Amizade virtual com pessoas estimabilíssimas é outra mais-valia, está bom de ver. E penso que a melhor via para blogar é não afivelarmos máscaras mais impenetráveis do que as que usamos conversando em vivo. Para que se sinta que estamos diante de um Ser Real.
Mesmo de um Maravilhoso, como a Júlia.
Beijinho

O Réprobo disse...

Obrigado por mais essa, Querida Minucha. A Sua Amabilidade é que é inexcedível, salvo talvez pela paciência.
Beijinho gratíssimo.

O Réprobo disse...

Meu Caro Manuel,
sabe bem como a Sua actividade é muitíssimo mais do que a de despertador, embora, com tal Qualidade, tenha servido para incentivar muito boa Gente e até alguma menos boa, como eu. Disse-o já o FSantos, para só falar num Notável Exemplo.
Nunca Lhe poderei agradecer bastante.
Quanto às condecorações, rejeito a legitimidade para as conceder à partidocracia dominante, mas ostento com orgulho as conferidas por Quem estimo.
Abraço

O Réprobo disse...

Querida Fugidia,
foi bonzinho, andei a vadiar e sabe tãããão bem...

Obrigado pelas felicitações. É muito Gentil.
Beijinho

O Réprobo disse...

Ah, como Post Scriptum à resposta ao Manuel, espero que este reconhecimento traga outra vez os dois Magníficos Mandriões à postagem com ritmos aceitáveis...
Ab.

Cristina Ribeiro disse...

É consensual. Escrita para ninguém botar defeito.
Deliciosa.
Beijo

ana v. disse...

Parabéns pelo prémio e parabéns pela iniciativa de homenagear os bloggers que o lançaram nesta aventura, Paulo.
E continue por cá, por muitos e bons!
Um beijo

O Réprobo disse...

Obrigado, Querida Ana, a tónica colocada no magistério levou-me a atribuir a designação aos que, realmente, me iniciaram nestas andança.
Beijinho

Atrida disse...

Se me permites a colherada, algo abusiva, talvez se pudesse alargar a lista dos notáveis ao Corcunda e ao Sarto.
Abraço.

O Réprobo disse...

Meu Caro Átrida, entendamo-nos, pela Qualidade seriam de acrescentar Esses e mais uns Quantos, como Tu, aliás. só que a respectiva descoberta ocorreu já comigo neste meio. Os Nomeados lia-os antes de ser bloguista, todavia. E influíram no meu mergulho nestas lides.
Abraço

BOS disse...

Imerecido, tanto que agora é de periodicidade incerta, como notou o Manuel. No meu caso, são mesmo os afazeres. Nenhuma cedência, nenhum esmorecimento. Melhores dias virão.

O Réprobo disse...

Esperemos então por eles, Caríssimo BOS. E que não tardem!
Abraço

DB disse...

Amigo Paulo,

Muito obrigado pela distinção, mas eu é que tenho que agradecer a tua persistência blogosférica que tanto enriquece este espaço de comunicação.
Apenas um comentário, que se impõe, aos restantes condecorados - foram exactamente esses três 'mosqueteiros' (como muito bem os apelidas) que me inspiraram a abrir a minha própria 'casa'.

Forte abraço e eterna saudade da tertúlia bibliófila.

minucha disse...

Esqueci-me de lhe responder no Sábado que as iniciais que conheceu antes do Marta MFBA, são as iniciais do meu nome de casada
Agora fica tudo explicadinho
Maria Francisca Botelho de Andrade, mas fui quase descoberta numa ocasião que ainda não estava preparada (ainda não o estou), para o ser.
Mas sou mais conhecida pelo meu nome, do que pelo nome de casada.

beijinho, Paulo

O Réprobo disse...

Meu Caro D´Artagnan Branquinho,
cá se confirma que os Três eram Quatro. Uma Elite Absoluta!
Abraço

O Réprobo disse...

Querida Minucha,
Eu tinha intuído que seriam os apelidos de Casada, já que as primeiras letras dos de Solteira, que revelara, não coincidiam...
Não tinha era a correspondência que agora fica para ciência universal.
Beijinho

Rafael Castela Santos disse...

Querido Paulo:

Gracias por la mención.
Dicho esto es verdad lo que lleva diciendo FG Santos mucho tiempo: que escribimos poco, cada vez menos. Un cansancio nos aflige y Nova Frente y A Casa de Sarto han sido "víctimas" de esta pereza.
No creo que sea menos convicción sino que escribir, excepto para algunos superdotados como tú, es siempre una tarea ardua y que no es fácil hacer año tras año.
Un fuerte abrazo,

RCS

O Réprobo disse...

Meu Caro Rafael,
qual sobredotado! Antes bisbilhoteiro, metendo um pouco o nariz em tudo...
Mas tomo esta Vossa relativa abstinência como simples férias e fico com água na poca pensando no regresso em força!
Abraço