sábado, 17 de maio de 2008

Masculino/Feminino

Às Minhas LeitorasComo inocentes juízos sobre a Competência e o Génio desencadearam uma tempestade da parte da Ana Vidal, nas caixas de comentários, estou aqui a limpar-me: quem ousará dizer que o Génio é sempre melhor do que a... Competência?
Pouco? Mas quem dá o que tem...

8 comentários:

ana v. disse...

Não é para ser do contra, mas neste caso continuo a preferir o Génio. É que é muito mais útil! E para que quereria eu esta "competência", não me dirá?
beijinho

O Réprobo disse...

Querida Amiga,
como confessou abaixo, competência é coisa que não Lhe falta. Sendo assim, a resposta está na cara (da imagem): para pôr o Génio ao Seu serviço, para que mais?
Beijinho

ana v. disse...

Ah, mas eu nunca precisei de poses de Lolita nem de chinelinhos de Harém de Alcabideche para pôr Génios ao meu serviço... cada competência com os seus trunfos!

O Réprobo disse...

Mas é feio troçar de quem é menos dotado, Querida Ana...
Embora deva dizer que, para Lolita, a jovem retratada aparente ter tomado muitas vitaminas.
Beijinho

mike disse...

Vai para aqui uma peleia de se lhe tirar o chapéu. Mas Ana, o Réprobo tem razão quanto ao troçar de quem é menos dotado. E a Lolita foi muito bem escolhida, não há que reclamar sobre as vitaminas tomadas. Para mim não há discussão: a Ana pode ficar com o Génio... a quem a Lolita, como de costume, dará a volta à cabeça. ;)

O Réprobo disse...

Ora bem, Meu Caro Mike, chama-se a isso divisão equitativa: génios e Lolitas a quem as merece!

Ainda bem que concordamos na saúde da Piquena, ehehehehe.
Abraço

fugidia disse...

:-)
(fugidia espreitando...)

Ó meu querido Réprobo, que vergonha só vir cá agora :-(

Mas mais vale tarde, não é assim?! E como produziu hoje!!!
Opto por comentar este: posso dividir o génio com a Ana?
:-p

Boa noite
e beijo (maior que beijinho...)
:-)

O Réprobo disse...

Todo o Tempo se torna bom, ao hospedar a Fugidia.
Parta e reparta o Génio, mas terá ele uma parte melhor? Cuidado é com os três desejos, distraído como se apresenta, por acção da Vossa hipercompetência combinada, nada me garante que seja, por sua (dele) vez, competente...
Viva o derrube dos diminutivos osculatórios! A Revolução, afinal, tem algo de aproveitável!
Outro, em crescendo. Vou ver se já há matéria publicada, lá no Esc. Tou com uma fomeca!