sexta-feira, 16 de maio de 2008

A Paz dos Sexos

Passando mais um ano sobre a canonização de Joana D´Arc, por Bento XV, penso numa circunstância da vida Dela, lembrando-me de confrontá-la com uma outra, da biografia de Madre Teresa de Calcutá. No cerco de Orleães, quando a sorte da refrega estava mais ameaçada, alguns dos homens que comandava abeiraram-se da Donzela, perguntando o que fazer, na iminência do desastre. A resposta foi: comam, bebam e durmam, amanhã se verá. Já a Líder das Missionárias da Caridade, a uns Irmãos que as tinham ido ajudar e haviam parado as respectivas tarefas para fazerem as suas orações, disse que rezassem enquanto trabalhavam.
Muito boa gente vê nisto o carácter feminino manifestado. E vê bem. Porque onde os homens tendem a ser esmagados ou unidireccionados para a Excepcionalidade, as Mulheres são mais avessas, muitas vezes a tanto obrigadas pelas premências da vida, a permitir que os momentos extraordinários interfiram nas rotinas da existência. Podemos verificá-lo na capacidade, para nós indecifrável, com que Muitas mantêm exemplarentemente em dia as tarefas domésticas e a vida profissional, sendo menos propensas à excentricidade, apenas facilmente verificável nos casos de ócio notório. Alguns retirarão daqui a conclusão de que a Competência é apanágio do Feminino, ficando a vocação e adstrição à Genialidade reservada aos machos. Em tese geral, um raciocínio tão bonitinho até estaria mesmo a pedir por baixo uma assinatura. Mas, bruscamente, vem-me um rebate de consciência. Então os dois Casos que examinámos não são precisamente de Génio?

12 comentários:

mike disse...

Caramba, posto assim, caro Réprobo, que mais me resta dizer? Que sim, que os dois casos examinados são de Génio. Mas são dois, não servem de universo nem recomendam extrapolações precipitadas. Já existe o sexo dos anjos, não tarda está a criar o sexo dos génios... ;)

fugidia disse...

Meu querido Réprobo, está perdoado!
E como já me passou a fúria do esconderijo :-p, dou-lhe um beijinho de boa noite e regresso ao meu cantinho com um sorriso estampado no rosto.
:-)

O Réprobo disse...

Ehehehehe! Meu Caro Mike, essa seria muito bem achada, embora inclemente. Mas, claro, não massifiquemos.
Abraço

O Réprobo disse...

Querida Fugidia,
é para a Menina ver, só me aventuro a boutades sexistas com as costas muito bem guardadas. Uma Santa e Outra a caminho, nem mais nem ontem!
Beijinho, durma bem, já sei o que vou mandar mañana.

ana v. disse...

Espere lá... a "genialidade" reservada aos homens parece-lhe um "raciocínio bonitinho"? E porque as mulheres são mais dadas à "competência"????? Digo-lhe, caro Paulo, que o que o salva é esse providencial rebate de consciência, ou teríamos muito para discutir. Mesmo assim, assentando a sua salvação no reconhecimento de apenas dois casos de génio no feminino, a sua posição continua frágil... quantos outros casos de mulheres geniais quer que lhe lembre? Ora essa!
Fugidia, e ainda lhe dá beijinhos de boa noite? Ou fui eu que interpretei mal o que li?
Já estou baralhada...

O Réprobo disse...

Calma, Querida Ana,
o raciocínio parecia-me jeitoso em termos lógicos, por propiciar a inferência, não em termos sociológicos.
Da mesma forma, as Duas Grandes Figuras funcionam como Representative Women, não quis fazer um recenseamento.
Se tivesse a pretensão de ser exaustivo teria, pelo menos, de adicionar Ana Vidal ao grupo.
Ufa, saí-me bem como o tipo do anúncio do mafioso que dizia "se eu não gostar...". É UMA IMAGEM, claro.
Beijinho

fugidia disse...

Ana, eu estou cheia de sono, e posso não ter lido bem tudo :-p... mas ainda assim não me contive a enviar um beijinho ó nosso Réprobo...
Que quer, ele faz-me rir :-)

Perdoe-me; compensá-la-ei no duelo :-)))

O Réprobo disse...

Desculparão a intromissão, mas isso não quer dizer que me foi retirado o beijinho da Fugidia, não?
Tenho de ter um rol exacto dos meus activos, que coisa!
Beijinhos

ana v. disse...

LOL... e faz-me rir a mim também. Mas, caro Paulo, com essa bajulação descarada é que não vai lá. Eu fico-me pela competência, mas há muitas mulheres que são geniais. Olhe, basta a sua afirmação de que conseguem ser exemplares donas de casa E profissionais... quer maior genialidade?
Mas enfim... safou-se razoavelmente.
Beijinho.
E para si também, Fugidia. Durma bem, para estar fresca no duelo. Há que acumular forças!

Meg disse...

:-)))))))
Os risos são para os activos.
Beijos, ora , não sei o mérito que tem -talvez não mereça, mas ...
Hahahah
M.

O Réprobo disse...

Querida Ana,
que são admiráveis todas as Senhoras que conseguem conciliar essas duas dimensões, a doméstica e a externa, não tem dúvida e o postal presta-Lhes tributo. mas o génio não me parece para aí chamado, ou ficaríamos desmunidos do termo para qualificar casos, como os Dois Indicados, que também conseguem harmonizar rotina e comando, inde o mérito irradiado exije diferente reconhecimento.
Beijinho

O Réprobo disse...

Querida Meg,
eu sou muito escrupuloso nos balanços e detalhado nos inventários. ehehehehe.
Beijinho