terça-feira, 29 de abril de 2008

Que Loucura!?

O Manicómio de GoyaJerónimo de Sousa foi visitar o Júlio de Matos para contactar a realidade. Eu sei que não foi esse o sentido que ele quis dar-lhe, mas lendo a declaração como um acto falhado, dá-me gosto ver os Comunistas devolvidos a um dos seus traços mais simpáticos, o da crítica da alienação do Capitalismo, que é a insanidade em que outros nos forçam a mover-nos...

4 comentários:

Júlia Moura Lopes disse...

:-))

está boa!

beijinho

O Réprobo disse...

Obrigado, Querida Júlia. Tem dúvidas de que andamos metidos numa camisa de forças?
Beijinho

av disse...

Eu não tenho, de facto. E a insanidade cá fora vai aumentando a olhos vistos, numa espiral que faz um hospício quase parecer um paraíso...

O Réprobo disse...

Querida Ana,
como dizia um rapazito mentalmente pouco alinhado com a maioria, que andava pela estação do Cais do Sodré a meter-se com os passageiros:
"então vocês é que trabalham e o maluco sou eu?"
Beijinho